Dieta Detox – Mitos e Verdades

Por Mayara Poscidônio

 

Muito conhecida, a dieta Detox possui diversas variações. Uma delas sugere a exclusão de alimentos que contenham: lactose, glúten, produtos ricos em açúcares, sódio, aditivos químicos e a não ingestão de sucos e sopas durante três dias.

 

Entretanto, essa dieta (como qualquer outra dieta da moda) traz restrições generalizadas, que só devem ser feitas individualmente por um nutricionista ou médico. A não ingestão de alimentos sólidos durante todo o dia pode levar a desequilíbrios dos líquidos corporais e de funções hormonais ligadas à saciedade.

 

Retirada do glúten da dietaMITO

O glúten, presente em alimentos como o trigo, centeio, aveia, cevada além de estar também em alimentos industrializados, ao contrário do que muitos pensam, não é um vilão. Sua retirada da alimentação é indicada apenas para quem possui doença celíaca, que torna o organismo incapaz de digerir essa proteína levando à distensão e dores abdominais, formação de gases e diarreia.

 

Retirada do leite de vaca e derivadosMITO

Sabe-se que a proteína do leite de vaca pode levar ao desenvolvimento de alergias e a lactose pode causar a intolerância. Entretanto, a retirada desses alimentos do cardápio, pode levar pessoas saudáveis a desenvolverem a intolerância à lactose pela inativação da produção da lactase – enzima que digere a lactose. A intolerância à lactose é encontrada em bebês após o desmame ou pode aparecer na fase adulta secundária associada a outras doenças intestinais. Neste caso, a diminuição do consumo de alimentos que contenham lactose é recomendada para evitar quadros de diarreia e desidratação. De maneira geral, a exclusão total de leite e derivados não é recomendada, pois são alimentos ricos em cálcio e vitaminas e sua deficiência pode levar a desmineralização óssea, dores musculares e até fraturas.

 

Consumir alimentos orgânicos e livres de metais pesados – VERDADE

Os alimentos cultivados com agrotóxico são maléficos a saúde, pois o produto químico é absorvido pela planta e a higienização não o retira. O consumo de alimentos com metais pesados também é tóxico ao ser humano. Estas substâncias podem se acumular no fígado e causar sérios problemas de saúde.

 

Restringir o consumo de alimentos ricos em sódio, glutamato monossódico – VERDADE

O consumo de sódio em excesso pode levar ao aumento da pressão arterial e o glutamato monossódico é uma substância que possui um fator causador de câncer. Esses produtos são encontrados em temperos industrializados, portanto, utilize temperos naturais e pouco sal. Além de darem sabor, eles são ricos em vitaminas, minerais e antioxidantes.

 

Beber água e água de coco – VERDADE

O consumo de água é importantíssimo e junto com a água de coco, mantém as funções normais do nosso corpo, garante a hidratação, previne câimbras, estabiliza a pressão arterial, dentre outras funções.

 

Consumo de vários tipos de sucos ao dia – VERDADE

É sabido que o consumo de frutas e hortaliças possuem propriedades antioxidantes, e a forma de sucos torna-se uma alternativa mais eficaz para o seu consumo. Os antioxidantes combatem os radicais livres, protegendo as células contra doenças e o envelhecimento precoce. O consumo dos sucos sem coar é uma forma de agregar mais nutrientes e fibras, que auxiliam e melhoram o trânsito intestinal, além de reduzir a absorção de gorduras e aumentar a saciedade.

 

Portanto, o ideal é seguir um planejamento adequado e individualizado acompanhado por um profissional. Equilíbrio e moderação são peças-chave para quem pretende ter uma vida longa e saudável.