Nada menos do que cinco vinícolas visitadas em um dia. Embarque nesse roteiro com o melhor dos vinhos sul africanos

Por Thais Fernandes

 

Música para acompanhar essa leitura: Eagle-Eye Cherry – Save Tonight

 

Para aquecer corações, uma boa bebida e boas companhias. É nessa fórmula que se mergulha no roteiro oferecido pela Agência Planeta África, que passa por nada menos do que cinco vinícolas sul africanas. Em um domingo preguiçoso, se para o inverno já se espera temperaturas baixas, o vento de Cidade do Cabo e a chuva fina intensificaram a necessidade de se aquecer. E o vinho deste velho continente é uma das melhores maneiras de esquecer a cama e as cobertas e aguçar os sentidos. O país possui nada menos do que 300 anos de produção e cultura de vinhos. No continente, a África do Sul reina como principal produtor, e em nível mundial é responsável por nada menos do que 7% da exportação de vinho a granel!

Vinícolas sul-africanas durante o inverno / Foto: Thais Fernandes

 

Blusas e cachecol a postos, nada que o país do vinho não possa tornar charmoso e uma excelente desculpa para degustações dia à dentro. O wine tour leva cerca de 15 pessoas para a aventura que dura toda manhã e tarde. É preciso tempo, serão percorridas cinco vinícolas que devem servir de cinco a oito vinhos cada uma. A companhia animada do guia e dos demais turistas também aquece os corações mais durões. São suíços, alemães, americanos e britânicos que vão fazer você esquecer os estereótipos desses países. Mágicas que só os apreciadores de vinho e boa conversa irão conhecer.

O guia, por sua vez, que conta detalhes históricos e não deixa de citar curiosidades sobre a produção de degustação dos vinhos, paixão nacional. As degustações? São os especialistas de cada fazenda produtora que recebem os visitantes, enriquecendo essa experiência. Prepare-se para entender por que aquele pessoal gira a taça fazendo o vinho rodopiar, qual a importância de sentir o aroma da bebida, e do básico ‘qual a diferença de rosé para branco?’, até descobrir que as variedades de uvas menores produzem vinhos mais adocicados.Vamos ao tour:

Mitre’s Edge

A primeira vinícola introduziu o clima intimista da degustação. A Mitre’s Edge é gerida por uma família e fica no bairro de Simonsberg Mountain. A ideia da vinícola é produzir em menor quantidade para focar na qualidade. Hoje, eles cultivam uvas Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Malbec, Merlot and Petit Verdot. Shiraz também é cultivada e para completar a lista com vinho branco, Chenin Blanc e Viognier completam.

Foto: Thais Fernandes

Para degustar tantas opções, nossa anfitriã guiou cada passo com explicações detalhadas e abriu caminho para uma deliciosa harmonização entre queijos e vinhos. Claro, os primeiros passos para degustar foram ensinados e para intensificar os aromas, ninguém deixou de mexer a taça e aproximar o nariz:

 

Uitkyk Wine Estate

O inverno de Cidade do Cabo, vinhos e uma maravilhosa arquitetura do século XVIII. A combinação perfeita fica logo ali, na segunda parada do wine tour. É a Uitkyk Wine Estate, no bairro de Stellenbosch que recebe os amantes de vinho em uma propriedade que data de 1712. Aqui, muitas opções de vinhos expostos para compra e uma degustação que incluiu a variada carta de vinhos, combinada com alguns chocolates e carnes. No nosso grupo, destaque para o Pinotage com notas de red berries, vendido na vinícola por R110, e o Mcc Glass Memories com um perfil complexo e notas de limão, ao custo de R150.

 

Middelvlei Wines

Ainda em Stellenbosch, chegar a Middelvlei é obrigatório para um almoço acolhedor em um restaurante com charmosos aquecedores e uma sopa de dar água na boca! Ao lado da comida, como não poderia deixar de ser, os vinhos da propriedade harmonizam. A bebida é feita com as próprias uvas cultivadas ali e o passeio inclui conhecer a produção e degustar vinho direto dos barris. Vale a pena o aprendizado, a experiência e, claro, o registro:

 

LovanE Boutique Wine Estate and Guest House

No quarto destino, a plantação é quem recebe os visitantes. E seja durante a época de colheita, seja durante o frio dos meses de junho e julho, a paisagem é irresistível. Com opções de vinho que vão desde R80 até R560 é difícil sair dali sem levar uma garrafa para chamar de sua.

 

Vergenoegd Wine Estate

Por fim, a última vinícola ofereceu uma clássica degustação com red wines. Como esperado, mais construções de belas arquiteturas, incluindo um delicioso jardim com um clima propício para curtir o domingo em família. Os vinhos oferecidos na propriedade são divididos entre Classic Range, Runner Duck Range,Vintage Range e os preços variam de R80 a cerca de R500.

Mas, o que surpreende no local é o final da visita. Recebendo e encantando turistas de todas as partes do mundo simpáticos patos fazem uma verdadeira passeata. Não, não é brincadeira. Uma passeata de patos encerrou esse tour!

 

SERVIÇO

Wine Tour Agência Planeta África

Valor: 800 Rands por pessoa

_______________________________________________________________

Para acompanhar em tempo real, siga o Diário de Bordo no Facebook e no Instagram.

Conheça também as mídias da Planeta África: Facebook e Instagram.

E da LAL School, em Cape Town: Facebook e Instagram.